Diário de um poeta

Aqui, onde os sonhos possuem as madrugadas e seguem em frente no arrepio do destino destes poemas de amor. Fica comigo, porque estou contigo poemando-te. Se por acaso eu não estiver, sabe que sempre estou e te estou. Sou uma vertigem no-em-ti.

domingo, julho 30, 2006

Desembarcar em ti



(Para Campo Meu, neste e em todos os poemas aqui)

Todos os dias sabes
me despeço de mim
passageiro do horizonte
apressado vertigem
atónito sentidos em riste
para nas sempre curtas viagens
sem paragens sem freios
desembarcar em ti no tumulto
desta viagem afinal sem fim
neste meu ser prenhe de ti
_________________________
"Actual danza de cuerpos", acrílico da pintora, poetisa e escultora mexicana Cristina Ruiz.

2 Comments:

  • At segunda-feira, julho 31, 2006 4:09:00 da manhã, Anonymous Anónimo said…

    Homem de mim!
    Apressa-te caminhante meu
    teu pouso já te marca o dia
    meu campo preparado está
    àquela hora ditosa
    em que desembarcas em mim...
    transformas meu peito amante
    alma delirante em ais de mim...
    quando o amor em suavíssima espera
    faz digno de ti...suspiros de mim;
    Em zéfiros suaves e mimosos
    todo meu corpo já se vê banhado
    já cintilam meus olhos
    minha boca rosicler;
    Apressa-te homem meu
    descarrega teu campo...
    sobre este mundo meu...
    ama-me!toma-me por completo...
    neste reino profundo
    Odisséia de ti-em-mim!!!

     
  • At domingo, agosto 13, 2006 3:32:00 da tarde, Anonymous ANIT said…

    DA-ME:......
    DA-me lume,
    Mesmo que nao fume.
    DA-me !!!
    Da-me o teu calor,
    Incandescente fogueira de amor.
    Sim,amor fogoso,
    Verdadeiro, corajoso.
    Faz-me sentir bem ,
    Contigo...sinto-me alguem ..
    Quero ser capaz,
    Aqui, ali, tanto faz.
    Contigo, com ele,nao sei bem,
    Apenas quero amar alguem .
    Preciso de carinho,
    Neste fogo que arde,
    Mas sinto-me sozinha,
    Neste cedo que parece tarde!!?
    E ja me sinto tao louca,
    De nao conhecer o fim.
    Amo-te nao por vicio..
    Amo-te por seres assim .......

     

Enviar um comentário

<< Home